sexta-feira, 9 de abril de 2010

livro para viver melhor


Sinopse:

Quer ter uma vida mais equilibrada? Sentir-se mais saudável com mais energia? Quer saber interpretar os sinais que o seu corpo lhe dá? Alterar o seu modo de vida e a sua alimentação para se sentir melhor? Em suma, quer aprender a viver melhor? Ao longo destas páginas vai aprender a potenciar a energia do seu corpo, a interpretar os sinais que este lhe dá através do autodiagnóstico, a praticar exercícios de respiração e meditação, a fazer alongamentos e outros movimentos físicos, a cozinhar de forma mais saudável, escolhendo alimentos que beneficiam a sua saúde, a pensar de modo mais positiva de forma a usar a mente e as emoções a seu favor. Sabia que:



- A nossa respiração deve dar mais ênfase à expiração e ser mais centrada na zona abdominal?



- O funcionamento dos intestinos pode dar-nos indicações preciosas sobre a nossa saúde em geral e sobre a saúde do aparelho digestivo em particular?



- Alterações na testa como inchaço, borbulhas, escamação e outros tipos de sinais estão ligados a desequilíbrios dos intestinos, bexiga e órgãos reprodutores?  



- Devíamos consumir mais cereias integrais, vegetais, leguminosas e menos lacticínios, carne e açúcares?



"O objectivo principal deste livro é preparar o seu corpo e mente a resistir melhor e a melhor se adaptarem aos desafios da vida moderna."
Do álbum: 
"Wall Photos" por Esfera Dos Livros
um texto do autor publicado no jornal sol e no site do I. macrobiótico

PRIMAVERA

por Francisco Varatojo

A Primavera está geralmente associada a frescura, renovação, vida nova, romance, criatividade, comunicação. Nesta altura do ano é comum sentirmo-nos mais activos e com mais vontade de aceitar novos desafios ou, pelo contrário, mais frustrados e deprimidos, com uma sensação de desagradável estagnação que nos impede de fruir e apreciar o desabrochamento geral.

Foi comum à maioria das culturas o desenvolvimento de práticas e rituais primaveris com o intuito de limpar a estagnação gerada durante o Inverno e permitir um melhor desenvolvimento nesta nova estação. O princípio subjacente a estas práticas é o de que devemos fazer uma boa limpeza externa e interna para que não nos sintamos pesados e letárgicos quando as condições circundantes se tornam mais brilhantes e activas. Basicamente, devemos emular os ciclos da Natureza e não ir contra eles.

É ainda comum, nos países anglo-saxónicos, fazer-se uma "spring cleaning", ou limpeza primaveril, tarefa em que muitas famílias se empenham seriamente, limpando e arrumando todos cantos da casa.

É assim que neste início da Primavera lhe proponho que faça uma limpeza generalizada:

  1. Em casa, arranje o que necessitar ser arranjado; ofereça o que estiver a mais e que já não lhe faz falta, limpe as áreas mais inacessíveis; ventile; renove.
  2. Internamente, simplifique grandemente a sua alimentação durante 1 semana a 10 dias: reduza ou abstenha-se totalmente de ingerir produtos animais assim como comida pesada e gordurosa. Se já alguma vez pensou em jejuar ou comer muito pouco durante algum tempo, este é o período ideal do ano para o fazer.

Aproveito para lhe desejar uma Boa Primavera.