domingo, 12 de junho de 2011

quando

andamos numa montanha russa estamos tão ocupados a tentar a não vomitar e a gritar que nem acreditamos quando finalmente pomos os pés em terra firme. 
depois 
desaparecemos sem qualquer plano ou agenda. na feira acontece tanta coisa que ninguém dá pela nossa falta.