segunda-feira, 9 de abril de 2012

visão

katmandu


Mais importante do que ter consciência da impermanência é a visão, ela é o núcleo que modela o nosso comportamento.

“A perda de visão seria como um pesadelo dos gestores. Os gestores estão sempre assombrados pela perda de visão. Por exemplo, uma empresa que vai investir hoje para começar a produzir daqui a cinco anos é uma empresa que necessita cuidar delicadamente da questão da visão.”

“Vocês olhem a bolha económica de dois anos atrás: 100 bancos americanos quebraram. Por que isso? Eles quebraram, porque eles não conseguiram ver. Como é que eles não conseguiram ver, se nos EUA nós temos o maior número de PhDs na área de economia e nós temos com certeza vários prêmios Nobel na área de economia? Como é que eles não viram?

 Eles não viram porque, como cientistas, eles só vêem o que é possível, eles não conseguem ver adiante. Mas nós estamos num tempo em que o custo é altíssimo se nós não conseguimos ver adiante.”

“Nós descobrimos que nós só conseguimos ver externamente o que o nosso mundo interno concebe.”_mestre budista padma samten  (brasil)

Bento XVI: “Numa instituição com muitos milhares de pessoas, é impossível só haver pessoas boas” – Observador

“Bento XVI: Conversas Finais”, com Peter Seewald (Março 2017,Dom Quixote) Não ficou chocado ao ver tanta inveja, ciúme, carreirismo e...